quarta-feira, 13 de maio de 2015

O escritor sou eu... Nuno Camarneiro



No dia 11 de maio, no âmbito do projeto “Leituras & Conversas Partilhadas”, decorreu, na Escola Secundária de Oliveira do Bairro, uma palestra com o escritor/cientista Nuno Camarneiro.
O palestrante começou por se apresentar, falando da sua juventude passada na Figueira da Foz, altura em que descobriu o gosto pelos livros, do seu percurso académico em Coimbra (engenharia física), da sua experiência como cientista do CERN (Conselho Europeu para Pesquisa Nuclear) na Suíça e também do seu doutoramento em Ciência Aplicada ao Património Cultural pela Universidade de Florença.
Nuno Camarneiro referiu que o seu gosto pela escrita surgiu quando esteve na Suíça. Foi aí que começou a dedicar-se à escrita, como forma de colmatar a ausência da família e dos amigos.
Já tem algumas obras publicadas e um dos seus livros (“Debaixo de algum céu”) ganhou o prémio Leya 2012. Fez ainda incursões pelo texto dramático e pelo cinema. Está também para breve a publicação de um livro para o público infantil.
Os jovens colocaram várias questões, nomeadamente como se chega a escritor e o que fazer quando não se tem inspiração. Nuno Camarneiro disse que uma das regras para se ser escritor é ler bons livros e visionar bons filmes e boas séries. Acrescentou que tudo o que vale a pena na vida dá muito trabalho e que, mesmo quando não temos vontade, devemos insistir no trabalho.
Os jovens mostraram-se agradados com a forma jovial como o escritor interagiu com todos. 

Sem comentários:

Enviar um comentário